Carta aberta a um Rio de Janeiro pós-Olimpíadas (e pré-Paralimpíadas)

Por Carla Knoplech

rafaela-silva-ouro-judo-ctb-rio-2016

Rio, você brilhou.

Mostrou para o mundo todo o que o carioca já está cansado de saber, mas teima em duvidar: que você saber fazer um evento acontecer. Também pudera! Todo o ano você faz o Carnaval e o Réveillon e eles não só dão certo, como são as festas mais incríveis que alguém pode ir. A verdade é que os Jogos Olímpicos de 2016 superaram as expectativas e a culpa é toda sua!

Mérito de um plano público de revitalização da cidade que (entre escândalos de superfaturamento, corrupção e do cenário político fervendo) no fim das contas deu mais do que certo e fez com todo mundo se impressionasse com o resultado, mérito dos voluntários dos jogos que saíram de suas casas no país inteiro e toparam fazer esta festa acontecer, mérito da população carioca que soube receber como ninguém um contingente de turistas da forma mais simpática e receptiva possível, mérito de todos os profissionais incansáveis da Rio 2016, e claro, mérito dos nossos atletas e heróis que são, antes de tudo, fortes, como diria Euclides da Cunha.

kobra2

Como não se emocionar como as medalhas da Rafaela, do judô, do Isaquias, da canoagem, do futebol brasileiro masculino, no Maracanã, e tantas outras de ouro, prata e bronze? Como não se emocionar, ainda, com os atletas que não ganharam medalhas, mas que lutaram com força total e tiveram a sua vitória pessoal? Isso sem contar as atitudes que revelam o verdadeiro espírito olímpico, como maratonistas concorrentes se ajudando em meio a competição, um esgrimista tcheco que se recusou a levar um ponto que não o pertencia e a nobreza do maior medalhista olímpico de todos os tempos agradecendor a hospitalidade da torcida brasileira em meio a um escândalo tão grande de outros colegas de equipe por aqui. É o Rio fazendo história.

622_7f11b603-991c-3ffc-b0ee-a44539a0432a

Quando ganhamos o direito de sediar as Olimpíadas nossa economia estava voando a mil por hora e não poderíamos sequer supor os dias negros que viriam no cenário nacional. Passamos pela maior crise da história e chegamos a acreditar que talvez não houvesse o evento. Mas teve e foi surreal! Que orgulho passar por tudo isso e bater no peito sabendo que fizemos o nosso melhor, entrar no Parque Olímpico, caminhar pelo Boulevard, ver a organização dos transportes públicos e o sorriso no rosto de qualquer pessoa. E o que resta de tudo isso?

neymar-olimpiadas82818

Bem, primeiro, o desejo de que essa ordem e esse espírito positivo continuem! Segundo, o olhar redobrado para a necessidade de investimentos no esporte. Em TODAS as modalidades e não só no futebol. E por fim, o desejo de que possamos repetir o feito nos Jogos Paralímpicos e que os nossos atletas especiais tenham mais visibilidade e acessibilidade no resto do ano. Partiu comprar ingresso e lotar essas Paralimpíadas? 🙂

E no mais: Muito parabéns, Rio!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s